Infecção Urinária Masculina: Entenda O Que é - Bem Estar de Hoje

Infecção Urinária Masculina: Entenda O Que é

Um problema bastante comum em mulheres, que pode ocorrer em homens também, é a infecção urinária. Essa doença é mais comum em mulheres acima de 40 anos. Homens que contraem a infecção tem, normalmente, mais de 50 anos de idade. Por causa do contato sexual desprotegido, os homens pegam gonorreia ou clamídia. Causando, assim, a ITU (Infecção do Trato Urinário). Outra infecção urinária baixa nos homens é a prostatite, que afeta a próstata.

Há uma infecção que é comum entre ambos os sexos, chamado Cistite, que é uma inflamação na bexiga. Por causa da anatomia feminina a infecção é mais comum de acontecer. Em homens, o quadro de infecção é mínimo, e é possível tratar de formas simples, mas sempre com o auxilio do médico. Em jovens com menos de 24 anos de idade, essas infecções são bem difíceis de acontecer, apenas se contrair DST’s (Doenças Sexualmente Transmissíveis), como já foi dito.

Por causa do sexo anal, pessoas são mais expostas a esse problema, e quem é circuncisado pode ficar exposto a essa doença também. A infecção está associada a problemas de cálculo renal ou a complicações da próstata. Há hábitos e doenças que são fatores predisponentes, como a pouca ingestão de líquidos, o esvaziamento da bexiga incompleto e pouco frequente.

 CLIQUE AQUI E FAÇA A COTAÇÃO DO PLANO DE SAÚDE GRATUITAMENTE.

Sintomas da infecção urinária masculina:

  • Desconforto ou peso no baixo-ventre;
  • Febre baixa;
  • Urgência para urinar;
  • Urina turva e cheiro muito forte;
  • Dor e/ou ardor ao urinar;
  • Necessidade de urinar mais frequentemente e em pequenas quantidades, por vezes com dificuldade. Frequentemente a urina apresenta um aspecto turvo e um cheiro desagradável, podendo por vezes apresentar sangue.

Diagnóstico:

O diagnóstico é feito através de exames para saber o que há de errado com o paciente e, a partir disso, começar o tratamento. Depois que a infecção urinária é diagnosticada (físicos e laboratoriais) é possível que o médico faça perguntas sobre a vida sexual do paciente, em razão de DST’s (do infectado ou do parceiro), a utilização de preservativos, a existência de vários parceiros na mesma hora do ato sexual.

O aumento da próstata é um sintoma visível, então não pode deixar de ir ao médico resolver. O tratamento em casa é feito depois de uma bateria de exames e o parecer do médico.

Como se prevenir:

As infecções urinárias masculinas não podem ser prevenidas. Mas o contato sexual sem camisinha pode ser um provável fator para contrair a infecção urinária. Fatores como a ingestão hídrica abundante ou tratamentos podem diminuir a sua incidência.

Portanto, não é possível se tratar em casa sozinho, é necessário o auxilio do médico e semanalmente fazer exames para saber o grau da doença. Depois de curado, é preciso que volte ao especialista para saber se a doença realmente foi embora e não se desenvolveu para outras complicações sérias. E sempre se higienizar, tanto na hora de lavar as mãos quanto nos atos sexuais, já que a infecção urinária é comumente adquirida por DST’s.

Entenda também sobre como se tratar da Sífilis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *