Carencia de plano de saude - Saiba tudo sobre esse período

Carencia de plano de saude – Saiba tudo sobre esse período

É quase impossível encontrar um convenio que não tenha carencia de plano de saude. Isto pois, este período de carência, além de evitar prejuízos financeiros, também traz maior garantia de beneficiários para a seguradora. Saiba tudo sobre o período de carencia dos planos de saude, e em quais momentos este prazo pode ser reduzido.

 

O que é Carencia de Plano de Saude

A Carencia de plano de saude corresponde á um prazo após a contratação de um convenio, em que o contratante pagará as mensalidades porem não poderá dispor de todos os serviços disponíveis no plano contratado.

A carência serve para dar ás seguradoras á garantia de não sofrer grandes prejuízos. Isto pois, caso não houvesse carencia, o segurado poderia contratar o plano, pagando apenas as mensalidades iniciais, e se submeter á um procedimento bem mais caro que o valor das mensalidades. Tendo efetuado o procedimento, ele poderia apenas cancelar o contrato e deixar as despesas á cargo do convenio. Isto tudo sem lhe reembolsar o dinheiro utilizado. Com este processo, além de trazer prejuízos financeiros para a empresa, ele poderia rebaixar sua contratação á níveis de emergência e necessidade, apenas.

Todavia a função do plano de saúde é agir como uma prevenção para quem contrata. O convênio médico atua como uma medida de economia para eventuais imprevistos e gastos programados, como é o caso de gravidez e doenças. Ele evita o desembolso de grandes quantias em possíveis eventualidades, que necessitam de procedimentos médicos caros.

Caso não houvesse carencia de plano de saude, muito abusariam deste poder. Desta forma, a empresa não teria os valores necessários para arcar com os gastos dos procedimentos e cairia na falência. Podemos dizer que, tamanha a importância deste prazo, a carência que permite ás empresas permanecerem no mercado.

É relevante anotar que esse período é legal perante a lei, sendo um benefício das seguradoras de planos de saude.

Você sabe quais são as vantagens de aderir á um plano de saúde? Confira aqui os benefícios que pode ter se tornando segurado. E veja também, como é rápido e fácil fazer uma cotação de valores. Vai se espantar!

 

Qual o Prazo da Carencia de Plano de Saude

Os prazos das carências variam de acordo com á operadora escolhida, o plano contrato e as condições e necessidades do segurado. Todavia a Agência Nacional de Saúde (ANS), para regulamentar esse período, estabelece prazos máximos para determinadas circunstancias. Confira abaixo o prazo de carência de acordo com o plano e as condições do segurado:

Carencia de plano de saude - Saiba tudo sobre esse período

Plano de Saude Individual, familiar, por adesão e empresarial

Confira o tempo de carência determinado para cada caso, segundo a ANS:

 

Tempo de Carência

Casos

Condições 

24 horas

Emergência e Urgência

Acidentes pessoais, lesões, risco de vida e complicações durante o período de gestação

De 7 á 30 dias

Consultas e exames simples

Cirurgião; clinico, ginecologista; pediatria e consultas com fonoaudiólogo; psicólogo; entre outros.

 90 á 180 dias

Exames Complexos

Ultrassonografia; eletrocardiograma; ressonância magnética, e outros.

  180 dias

Procedimentos complexos/ Internações e Cirurgias

 Hemodiálise, internações psiquiátricas; quimioterapia; transplantes; implantes, e outros que não tenham fins estéticos.

 10 meses

Parto  Pode ser usado para dar assistência ao filho recém-nascido, assim como inclui-lo no plano.  Para partos prematuros ou com complicações, este tempo é reduzido.

 720 dias

 Doenças ou Lesões pré-existentes

O segurado contrata já sabendo de suas complicações. Neste caso recebe cobertura parcial durante a carência, não tendo acesso á exames complexos e cirurgias até o final do período estipulado. Para ter coberturas completa, o contratante pode pagar um valor adicional, através de um acordo de Agravo.

 

Estes são os tempos de carência determinados pela ANS. Todavia, fica a cargo de cada operadora definir seu tempo de carência, contanto que não ultrapasse o tempo delimitado pela Agencias Nacional de Saúde.

É importante ressaltar que, carência é um limite previsto no contrato, que na maioria dos casos, se inicia após a assinatura deste. Por este motivo, torna-se importante, no ato de assinatura do contrato, averiguar todas as informações prestadas nos documentos.

Neste artigo você pode conferir as listas com os prazos estipulados de carência por diferentes operadoras de plano de saude. Acesse aqui!

Veja também, como funciona e como contratar um plano de saúde!

Planos sem Carência

Planos que os segurados não tenham que obedecer o tempo de carência só é permitido em casos de:

Carencia de plano de saude - Saiba tudo sobre esse período

Plano empresarial coletivo

Para que não precise esperar o período de carência é necessário que tenha adicionadas no plano 30 vidas. Neste casos, dependentes e colaboradores inseridos durante a contratação ou após esta, terão livre usufruto do plano de saúde.

Planos Coletivos por Adesão

Este plano é adquirido por profissionais, sindicatos e suas associações. Para que a pessoa tenha direito á carência, é necessário que ela seja inserida em um prazo de até 30 dias da assinatura do contrato.

Portabilidade de carência

Quando á pessoa esta se transferindo de um plano á outro, ela pode ser isenta, ou ter a carência reduzida. Para tanto, é necessário que o novo pedido seja efetuado após 6 meses de uso do convenio anterior, e o tempo entre o cancelamento e o pedido de um novo contrato não ultrapasse 60 dias. Essa transferência é valida para mudança de um plano para outro dentro de uma mesma seguradora, como também de um convênio para outro.

Em casos de dependência, e do falecimento do titular também pode ter portabilidade. Sendo então, a carência reduzida ou excluída, dependendo da seguradora.

 

Carência para Dependentes

Carencia de plano de saude - Saiba tudo sobre esse período

É permitido para recém-nascido, caso tenha incluso no plano a obstetrícia. Para tanto, é necessário que o Titular, inclua o filho até 30 dias desde o nascimento, e contanto que já tenham se passado 180 dias de cumprimento do período de carência.

Filho adotivo recém-nascido também pode ser adicionado como dependente, contanto que as normas acima sejam respeitadas. Caso seja menor de 12 anos, também poderá ser isento da carência, caso o titular já tenha cumprido o prazo.

 

Quando começa a valer á Carência

Como mencionado acima, é importante se ater ao inicio da carência.

Carencia de plano de saude - Saiba tudo sobre esse período

Em planos familiares e individuais, a carência começa á ser contabilizada a partir da assinatura do contrato;

Em planos coletivos por adesão, a carência inicia-se, apenas, após o cadastro e a data de vigência. Por ser um processo demorado, pode levar em torno de 30 dias.

Para planos empresariais, o período de carência tem seu inicio após os 10 dias de vigência estipulados para análise pelo convênio.

É importante saber que, para os dois últimos casos há o risco da seguradora ou da empresa não aceitar o contrato.

 

No vídeo abaixo, você encontrará maiores informações sobre a carência no plano de saúde e terá todas as suas duvidas respondidas. Confira:

 

Veja aqui tudo que você precisa saber antes de contratar um plano de saude!

Relacionadas