Calvície masculina por genética: causas e tratamentos

A Alopécia Androgenética, ou Calvície Masculina, é uma dos assuntos mais citados quando se fala de auto-estima entre os homens. Estudos da Sociedade Brasileira de Dermatologia demonstram que, 30% dos homens já apresentam falhas no couro cabeludo. Já na faixa dos 50 anos, o índice sobe para 50% da população masculina.

O afinamento e a queda do cabelo se dá pela atrofia do bulbo capilar, ligada ao nível de testosterona e da produção do hormônio DTH.

Como o próprio nome sugere, esse tipo de calvície é de questão genética, isso é, deverá ser observada dentro de sua árvore genealógica. Se parentes próximo a você são calvos, são altas as probabilidades de você se tornar também. A boa notícia é que, quanto mais cedo o diagnóstico clínico, mais rápido os tratamentos poderão ser aplicados, de forma a retardar ainda mais a queda dos fios.

Calvície Masculina

Outras causas

Além dos fatores genéticos, muitos outros fatores podem desencadear um processo de perda de cabelo rápido. Stress, ansiedade, má alimentação, sedentarismo, abuso de álcool, cigarro e drogas, são alguns deles.

Tratamentos

São muitos os tratamentos que visam diminuir ou até interromper a queda de cabelo. É importante lembrar que, independente do tratamento escolhido, o acompanhamento médico é imprescindível! Não se automedique, e nunca inicie ou encerre um tratamento sem o consentimento de seu médico.

– Utilização de pomadas e medicamentos via oral, sempre com as devidas precauções. Não se esqueça de contar ao seu médico sobre qualquer desconforto que esses remédios possam causar. Em muitos casos, os efeitos podem ser percebido antes dos outros tratamentos. Porém, muitas dessas vezes, o remédio não fará mais

– Já o transplante capilar utiliza os fios do próprio paciente. Ao serem implantados em outras áreas do couro cabelo, eles crescem e se desenvolvem normalmente.

– Já os tratamentos mais modernos, como a eletroestimulação e o uso de lasers (ambos para a estimulação da multiplicação das células do bulbo capilar, através de microcorrentes aplicadas ou de feixes de luz), prometem resultados menos demorados e mais duradouros, tratando o problema, literalmente, pela raiz.

Ou você pode aceitar sua situação!

Ao aceitar sua condição de calvo, você poderá se sentir mais livre. Para ajudá-lo, utilize acessórios que ressaltem suas qualidades, como bonés, chapéus e óculos escuros. Você pode também aprender mais sobre o formato de seu rosto para a escolha desses acessórios, inclusive, utilizando um formato de bar que também lhe favoreça. Seja feliz sendo você mesmo!

 

Precisa de um dermatologista e não sabe por onde começar? Primeiro, faça aqui seu orçamento de plano de saúde e tenha várias opções de profissionais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *