Sintomas de intolerância à lactose

Sintomas de intolerância à lactose | Descubra quais são eles!

Sintomas de intolerância à lactose

Os sintomas de intolerância à lactose surgem quando o corpo não é capaz de digerir a lactose. Ela é um tipo de açúcar encontrado no leite e em seus derivados.

O problema ocorre pois o intestino não consegue quebrar as moléculas de lactose e convertê-las em galactose e glucose. Sendo assim, provoca reações desagradáveis ao organismo.

Esse tipo de intolerância vem atingindo cada vez mais pessoas, o que impõe sérias limitações na alimentação. Dessa forma, muitas se sentem obrigadas a seguir uma dieta de forma rígida.

Fique atento aos sinais

Os primeiros sintomas de intolerância à lactose surgem após o consumo de leite ou de alguns derivados como queijos, sorvetes, iogurtes, manteiga ou até mesmo alimentos preparados ou misturados com o produto, como bolos por exemplo. Os principais sintomas de intolerância à lactose incluem:

– Dores abdominais, variando de leves, médias e intensas;

– Prisão de ventre;

– Diarreia;

– Inchaço abdominal;

– Gazes e flatulências em excesso;

– Presença de fezes aquosas e volumosas;

– Vômitos e náuseas, sendo mais comuns nos adolescentes.

Fique atento pois os sintomas de intolerância à lactose podem variar de uma pessoa para outra, dependendo do tipo de dieta que se segue assim como da associação com outras doenças intestinais.

Sintomas de intolerância à lactose

Dores abdominais são um dos sintomas de intolerância à lactose.

Veja também: Intolerância à lactose

Fatores de risco

Alguns fatores são considerados de risco para a intolerância à lactose, são eles:

– Idade avançada: quanto mais velha a pessoa, maiores são as chances de se desenvolver o problema;

– Bebês que nasceram prematuramente: Levando em conta que eles possuem menos lactase no corpo, pois a produção desta enzima só aumenta no final da gestação;

– Etnia: É mais frequentes em negros,  indígenas e asiáticos;

– Relação com outras doenças: certas condições que afetam o intestino delgado podem acometer a produção da enzima lactase, como a doença de Crohn por exemplo.

Tratamento

Ainda não há uma maneira conhecida de se prevenir o problema. Evitar ou diminuir de forma considerável a quantidade de produtos a base de leite em sua alimentação pode reduzir bastante os sintomas da intolerância à lactose.

Apesar de não existirem tratamentos eficientes para o problema, é possível que acrescentando enzimas lactase ao leite normal ajude a minimizar as reações.

Portanto, se você sentir algum desses sintomas de intolerância à lactose, o melhor a fazer é procurar um médico para realizar os exames adequados e realmente confirmar o problema.

O diagnóstico pode ser feito por um gastroenterologista, sendo normalmente necessário fazer outros exames, como o de fezes ou a biópsia do intestino.

E é com um Plano de Saúde que você inviste em atendimentos especializados e rápidos. Apenas os planos de saúde te dão a liberdade de escolher diferentes profissionais e realizar consultas com rapidez.

Portanto, faça uma simulação de valores e veja qual plano melhor atende suas preferências. Segurança para a sua saúde de forma rápida e fácil você só encontra aqui!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *