O que são Gorduras Trans e porque a OMS quer erradicar? Saiba tudo!

O que são Gorduras Trans e porque a OMS quer erradicar? Saiba tudo!

Você sabe o que são gorduras trans? São componentes químicos encontrados nas principais redes de Fast Food que podem matar. Devido há esse fator, a OMS, implementou um plano para combater em cerca de cinco anos esse componente dos alimentos. Entenda o que são gorduras trans e como será implantada a estratégia da OMS.

O que são gorduras trans?

Você já deve ter ouvido falar no que são gorduras trans e aonde se encontram. Mas você sabe seu real efeito?

As gorduras trans, ou transgênicas, são compostos adicionados aos alimentos industrializados. Elas permitem que um alimento tenha um longo prazo de validade, por isso são usadas com abundância pelas grandes industrias. Todavia, suas substancias são tóxicas e fazem muito mal á saúde.

As gorduras trans industrializadas podem levar á um alto colesterol. Por não ser metabolizada ela vai se acumulando nas artérias ocasionando doenças cardiovasculares e aumento de peso.  Ela é muito encontrada em Fast Food, através de salgados, frituras, hambúrgueres, cachorro quente, salgadinhos e entre outros.

É estimado que cerca de 500 mil mortes, por ano, decorrem de problemas cardiovasculares.

Veja aqui, por que é importante ter um Plano de Saúde!

Combate as Gorduras Trans pela OMS

A Organização Mundial da Saúde declarou, nesta segunda (14), guerra às gorduras transgênicas industrializadas. É esperado pela Organização, que este composto seja extinguido dos alimentos industrializados até 2023. Para tanto, ela propôs á adoção de métodos e regulações que serão desenvolvido junto aos órgãos governamentais de cada País.

O que são Gorduras Trans e porque a OMS quer erradicar? Saiba tudo!

A frente se dará em diferentes iniciativas. São elas:

  • Criar leis que regulem uso e consumo de Gorduras Trans;
  • Controlar a fonte dos alimentos industrializados que tem gordura em sua composição;
  • Tornar á população mais consciente sobre o que são gorduras trans e quais os seus perigos para a saúde;
  • Incentivar alternativas saudáveis e naturais nas alimentações diárias, como a substituição da gordura por óleos saudáveis;
  • Junto á órgãos governamentais de cada País, criar políticas de incentivos  às alimentações benéficas;
  • Fiscalizar a produção dos alimentos industrializados.
VEJA COMO FAZER SUA SIMULAÇÃO DE PLANO DE SAÚDE

Segundo a declaração da OMS no inicio deste mês, é recomendado consumir no máximo 1% de caloria na forma de gordura trans.

Apesar de parecer difícil não é impossível. Países como a Dinamarca já adotaram regulações que limitam a produção e consumo de alimentos transgênicos. Além dele, os Estados Unidos começará a implementar a eliminação de gorduras trans a partir de junho deste ano.

Segundo o diretor da OMS, Tedros Ghebreyesus, junto ao diretor da Resolve To Save Lives, Thomas Frieden  “A disponibilidade, o custo e o gosto da comida não mudaria” com esta nova ação, apenas o bem estar do seu coração, que agora estaria mais seguro.

É esperado que, com essa iniciativa o numero de mortes anuais decorrentes de problemas cardiovasculares diminua exponencialmente. Além de, claro, gerar mais qualidade de vida para a população.

Veja aqui tudo que é importante saber antes de contratar um convênio médico. É sempre importante garantir a segurança da sua saúde.

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *